TELESSAÚDE BAHIA

O Núcleo Técnico Científico Telessaúde Bahia iniciou suas atividades em 2013, com a proposta de potencializar a qualificação da Atenção Básica/Estratégia Saúde da Família, visando a melhoria da qualidade e resolubilidade dos serviços e cuidados em saúde.

O projeto, que faz parte do Programa Telessaúde Brasil Redes, visa o melhor desenvolvimento e capacitação dos profissionais da AB, através das ofertas de Teleconsultoria, Teleducação, Telegestão e Segunda Opinião Formativa (SOF), dirigidos a todas as categorias de profissionais de saúde na Atenção Básica (AB), que compõe as equipes de Saúde da Família, Núcleos de Apoio à Saúde da Família, Consultório na Rua e Programa de Saúde na Escola (PSE).

O TelessaúdeBA apoia os municípios na capacitação de profissionais no uso dos seus serviços, por meio de treinamentos presenciais e a distância, além de esclarecimentos de dúvidas sobre o e-SUS. Disponível para os 417 municípios baianos, a plataforma está acessível em qualquer lugar e a qualquer hora, seja por meio de computadores fixos, portáteis ou dispositivos móveis. É simples e fácil tirar dúvidas e receber informações de forma clara, concisa com base em evidência científica, que visam à proficiência e melhoria da gestão e qualificação das equipes.

 Telessaúde Brasil Redes

O Telessaúde Brasil Redes do Ministério da Saúde (MS) tem por objetivo apoiar a consolidação das Redes de Atenção à Saúde ordenadas pela Atenção Básica no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) por meio da integração de tecnologias de informação e comunicação, educação em saúde e teleconsultoria com a perspectiva de aprimorar a qualidade do atendimento e consolidar o processo de trabalho, a partir do desenvolvimento de ações de apoio à saúde e de educação permanente aos profissionais de saúde da Atenção Básica (AB). A Plataforma de Telessaúde é uma ferramenta online voltada a todos os profissionais de saúde que trabalham na AB.

O Telessaúde Brasil Redes na Atenção Básica tem como objetivo desenvolver ações de apoio à atenção à saúde e de educação permanente das equipes de atenção básica, visando à educação para o trabalho, na perspectiva da melhoria da qualidade do atendimento, da ampliação do escopo de ações ofertadas por essas equipes, da mudança das práticas de atenção e da organização do processo de trabalho, por meio da oferta de Teleconsultoria, Segunda Opinião Formativa e Telediagnóstico.