COMPARTILHE

O diagnóstico laboratorial é essencial tanto para a eleição de estratégias e definição de intervenção no paciente como para o conhecimento do risco da doença na região de procedência do animal. Nesse sentido, a seleção desse material tem sido utilizada para entender a epidemiologia da raiva humana, corroborar com a vigilância epidemiológica no âmbito dos laboratórios de diagnóstico e compreender os novos ciclos epidemiológicos da raiva identificada no país¹.

 

Referências

¹ Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância Epidemiológica. Manual de Diagnóstico Laboratorial da Raiva / Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância Epidemiológica. – Brasília: Editora do Ministério da Saúde, 2008.