COMPARTILHE

Iniciativa baseada em evidências científicas visa apoiar o monitoramento e planejamento da APS, apoiando a tomada de decisão dos gestores do SUS

De acordo com a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), indicadores de saúde são medidas ou sinalizadores que contêm informações relevantes sobre determinados atributos e dimensões do estado de saúde, bem como o desempenho do sistema de saúde. Nesse sentido, para apoiar os gestores e equipes da Atenção Primária, técnicos da Coordenação-Geral de Monitoramento e Avaliação da Atenção Primária à Saúde, do Ministério da Saúde (CGMATP) vêm desenvolvendo painéis de indicadores para auxiliar na qualificação da APS no Brasil.

Segundo o responsável pela coordenação, Paulo Sellera, tratam-se de painéis pensados e produzidos para facilitar a análise e interpretação dos dados. “Cada vez mais, se faz necessário o gerenciamento e a análise de um grande conjunto de dados e informações importantes. Como já apontado em artigos científicos, o cérebro humano processa estímulos visuais 60 mil vezes mais rapidamente do que textos. Através do uso de dashboards (painéis), todas essas informações mantêm-se reunidas visualmente de uma forma clara, maximizando o desempenho do gerenciamento, que exige, muitas vezes, decisões rápidas e precisas”, explica o coordenador.

Localizados no e-gestor, os Painéis de Indicadores da APS abordam os temas Saúde da Família, Saúde Bucal, Agentes Comunitários de Saúde, Programa Saúde na Hora, Prontuário Eletrônico, Cadastros Individuais, Lei de Acesso à Informação e Indicadores de desempenho geral. Esses temas são de acesso público e podem ser visualizados por qualquer pessoa que queira saber mais sobre tais assuntos. Já na área de acesso restrito do e-gestor, além dos painéis públicos, são apresentados os Indicadores da APS na OCDE e Metas e resultados da APS no Plano Nacional de Saúde. “O painel Saúde da Família é o que conta com mais acessos atualmente”, destaca.

Em todos os painéis, de acesso público ou restrito, existem opções de apoio ao usuário como o “Sobre o Painel”, que traz as informações disponíveis em cada painel; o “Saiba Mais”, que traz informações gerais sobre o tema; e o “Scielo”, que leva o usuário a artigos da biblioteca eletrônica de mesmo nome e que abrange uma coleção selecionada de periódicos científicos brasileiros. Além disso, há um campo de ajuda, destacado pelo sinal “?”, com exemplos de como navegar nos painéis e solução de problemas.

No âmbito do Previne Brasil, o programa de financiamento da APS, é possível acompanhar os resultados dos indicadores do Pagamento por Desempenho e a evolução do cadastro de pessoas na APS, e o resultado da capitação ponderada por quadrimestre.

Os painéis de indicadores são instrumentos que representam avanços na promoção do conhecimento sobre a Atenção Primária à Saúde, no subsídio à tomada de decisões e na transparência ativa dos indicadores da APS. A interpretação conjunta desses sinalizadores auxilia especialistas a refletirem sobre a situação sanitária da população ou comunidade, contribui para o controle social e subsidia a discussão sobre a necessidade de criação de novas políticas públicas. Dessa forma, contribui para o aperfeiçoamento do sistema de saúde e para a melhoria da qualidade de vida das pessoas. Para saber mais, acesse: PAINÉIS DE INDICADORES DA APS .

Fonte: Portal Atenção Básica