COMPARTILHE

Os profissionais de saúde da APS devem estar atentos ao processo de migração dos registros de dados de aplicação de vacina e outros imunobiológicos do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SIPNI) para a Estratégia e-SUS APS. O prazo para transição foi estabelecido pela Portaria nº 1.645, de 26 de junho de 2020 e segue até  amanhã,  31 de julho de 2020 .

Os profissionais de saúde da Atenção Primária deverão registrar as informações de imunização exclusivamente nos softwares disponibilizados pelo Ministério da Saúde (Prontuário Eletrônico do Cidadão – PEC ou Coleta de Dados Simplificada – CDS, ambos da estratégia e-SUS APS) ou nos sistemas próprios ou de terceiros devidamente integrados ao Sistema de Informação em Saúde para a Atenção Básica (Sisab). Os demais registros, como  dados referentes à movimentação de imunobiológicos nas salas de vacinas, eventos adversos pós-vacinação e monitoramento rápido de coberturas vacinais, permanecerão no SIPNI.

Saiba mais em : https://aps.saude.gov.br/noticia/9278

Fonte: Adaptado- SAPS/MS