COMPARTILHE

O diagnóstico precoce das neoplasias malignas é essencial para o sucesso no tratamento oncológico. De igual importância também é o manejo, em tempo oportuno, das intercorrências agudas em pacientes oncológicos, assim como a vigilância das recidivas. Por isso, a Atenção Básica (AB), porta de entrada dos serviços de saúde, tem papel fundamental na identificação dos casos suspeitos, acompanhamento compartilhado dos usuários em tratamento e encaminhamento precoce para centros especializados, quando necessário.

Diante do cenário da pandemia da COVID-19, o Núcleo de Telessaúde da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) em parceria com o Centro Estadual de Oncologia (CICAN), maior Centro de Referência do Estado em Oncologia, fortalecendo o trabalho articulado entre os serviços da rede de assistência à saúde, oferta a Teleconsultoria Especializada “ TeleCican” a todos os profissionais da Atenção Básica do Estado. Desta forma, apoia a atenção primária a saúde na identificação e referência das pessoas com suspeita, diagnóstico, em tratamento de câncer ou em acompanhamento para descartar recidiva, auxiliando ainda o manejo das intercorrências agudas nos pacientes oncológicos, evitando deslocamentos desnecessários e agilizando a intervenção terapêutica, à medida que permite a troca de informações entre os profissionais de ambos os serviços.

A teleconsultoria especializada “ TeleCican” consiste na troca de informações e opiniões entre profissionais de saúde, para auxílio diagnóstico ou terapêutico e conta com a participação de médicos do CICAN de diferentes especialidades como teleconsultores. Para solicitar a teleconsultoria especializada TeleCican o profissional da AB deve acessar o Telessaúde Bahia, através do endereço eletrônico http://telessaude.ba.gov.br/, selecionar “ teleconsultoria especializada” , em seguida selecionar “ Telecican” , realizar o cadastro e na sequência iniciar a solicitação da teleconsultoria desejada. É possível realizar teleconsultorias assíncronas, que utiliza troca de mensagens de texto off-line, ou síncronas que utiliza chat e ferramentas para interação com voz e/ou vídeo, ambas respondidas em até 72 horas. Nos casos em que um atendimento presencial for considerado necessário, após discussão do caso entre os profissionais da AB e do CICAN, a AB deverá coordenar o encaminhamento do usuário ao CICAN, conforme o manual TeleCican.

Os critérios para acompanhamento no CICAN e fluxo para agendamento de consulta presencial, podem ser visualizados no Manual TeleCican disponível no endereço eletrônico: http://telessaude.ba.gov.br/wp-content/uploads/2020/06/20200618-Manual-teleconsultoria-especializada-TeleCican.pdf

Referências:

Governo do Estado da Bahia. Secretaria de Saúde do Estado da Bahia. TelessaúdeBa. [página eletrônica] Acesso em 28 dez 2020. Disponível em: http://telessaude.ba.gov.br/

Telessaúde Bahia. Diretoria de Atenção Básica. Teleconsultoria Especializada Cican. [recurso eletrônico] Acesso em 28 dez 2020. Disponível em: http://telessaude.ba.gov.br/wp-content/uploads/2020/06/20200618-Manual-teleconsultoria-especializada-TeleCican.pdf